Limpar periodicamente os filtros do ar-condicionado é uma providência vital para o bom funcionamento do aparelho, economia de energia elétrica e, principalmente, manter a saúde dos frequentadores do ambiente.

Quando eles estão sujos o ar não circula como deveria, o que exige maior esforço do compressor para chegar à temperatura desejada. Além de aumentar a conta de luz, isto diminui a vida útil do condicionador.

Sem falar que toda a sujeira acumulada no filtro é transferida para o recinto, podendo resultar em doenças alérgicas e respiratórias.

Por tudo isso, sempre que terminar uma instalação você pode ensinar o cliente a realizar ele próprio essa tarefa bastante simples, mas de fundamental importância.

Vamos relembrar, então, como fazer essa limpeza?

Primeiramente, deve-se abrir com cuidado o painel frontal para ter acesso aos filtros de nylon.

Depois, segurar no puxador de cada um dos dois filtros e levantá-los um pouco, para desencaixá-los do suporte.

Vale lembrar: o aparelho deve ser mantido desligado durante toda a operação.

Se o modelo tiver filtro de carvão ativado (lado esquerdo) ou filtro Hepa (lado direito), eles devem ser retirados antes da limpeza dos filtros de nylon e ser higienizados com aspirador de pó, ou então ser substituídos.

Lembre-se, a limpeza desses filtros deve ser mensal e a troca é recomendável a cada quatro ou cinco meses.

Voltando aos filtros de nylon, após sua retirada eles devem ser lavados com água morna (nunca acima de 40 ºC) ou fria, sendo limpos com a ajuda de uma escova e sabão neutro, se necessário.

Finalmente, chega a hora de enxugá-los bem à sombra, com a reinstalação sendo feita no compartimento do condicionador.

Pronto, é só fechar o painel frontal e utilizar o ar-condicionado normalmente, agora com a certeza de que ele está funcionando melhor e preservando a saúde de todos à sua volta.